Home Ceará MP pede afastamento de superintendente do Detran por instalação de “tartarugas” em rodovias

MP pede afastamento de superintendente do Detran por instalação de “tartarugas” em rodovias

6 Primeira leitura
0
0
41

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) pediu o afastamento imediato do superintendente do Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE), Igor Vasconcelos Ponte, por improbidade administrativa no último dia 15. Ação civil pública questiona a instalação de tachões refletivos – conhecidos popularmente como tartarugas – em estradas do Ceará.

Segundo o Detran, pelo menos seis municípios cearenses têm redutores físicos de velocidade: Coreaú, Quixadá, Campos Sales, Iguatu, Uruoca e Trairi. Devido ao risco de provocar danos ao pavimento e veículos, a sinalização não pode ser instalada transversalmente às rodovias, conforme determinação do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

No entanto, o Detran afirma que o dispositivo é uma “medida de segurança adotada em casos de extrema necessidade” e que ajuda a “reduzir em até 80% os riscos de acidentes fatais, objetivo central da Constituição Federal e do CTB”, informou por meio de nota.

A decisão do titular da 5ª Promotoria de Justiça de Sobral, Carlos Augusto Tomaz Vasconcelos, prevê a retirada de tachas, tachões e proíbe a instalação de qualquer outro dispositivo similar transversalmente às rodovias. Além disso, pede a suspensão de licitações com esta finalidade.

O entendimento do órgão é que o recurso destinado à implementação da sinalização é um “gasto ilegal de dinheiro público” e o ato uma violação dos princípios administrativos. Em nota, o Detran-CE informou que “suspenderá a utilização de novos dispositivos e reiterará a proposta de aprofundamento das discussões técnicas junto ao MPCE, para esclarecer e alcançar entendimentos e ações tecnicamente pacificadas a respeito do tema”.

Confira nota do Detran na íntegra:

Sobre o pedido da 5ª Promotoria de Justiça de Sobral, a respeito da não utilização de tachões de forma transversal em rodovias estaduais, o Detran informa que:

O excesso de velocidade é uma das principais causas de acidente de trânsito, inclusive estando como ponto central do Plano Global da Década de Ações pela Segurança Viária lançado pela ONU.

A utilização de redutores físicos de velocidade, medida utilizada por órgãos de trânsito em casos de extrema necessidade e apenas quando outras medidas se mostram ineficazes, demonstra a redução de até 80% dos acidentes fatais, preservando a vida, objetivo maior e central da Constituição Federal e do Código de Trânsito Brasileiro.

Destaque-se que, de 2014 a 2017, o Estado do Ceará registrou a diminuição em 30% das vítimas fatais em rodovias, bem reduziu em 19% o número de feridos, representando uma economia de R$ 353 milhões para sociedade cearense com acidentes de trânsito, conforme metodologia definida pelo IPEA.

Em face da demanda apresentada e uma vez judicializada a matéria, o Detran-Ce suspenderá a utilização de novos dispositivos físicos de redução de velocidade, bem como reiterará a proposta de aprofundamento das discussões técnicas sobre o tema junto ao Ministério Público, no sentido de esclarecer e alcançar entendimentos e ações tecnicamente pacificadas a respeito do tema, tendo por princípio a necessidade maior de preservação da vida e da integridade dos usuários das rodovias estaduais do Estado do Ceará.

Detran-CE

Redação O POVO Online

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Ceará

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Governo vai usar Forças Armadas para desobstruir estradas

Diante da proporção que está tomando o movimento grevista dos caminhoneiros, o governo dec…