Home Notícias MPCE pede bloqueio das contas do prefeito de Tauá e multa de R$ 80 mil

MPCE pede bloqueio das contas do prefeito de Tauá e multa de R$ 80 mil

1 Primeira leitura
0
0
52

O Ministério Público do Estado do Ceará, através do promotor Erick Pessoa, da Comarca de Tauá, protocolou, na quinta-feira (8), um pedido de bloqueio das contas do prefeito do município, Carlos Windson, e a aplicação de multa de R$ 80 mil por descumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), fechado entre o órgão e a Prefeitura de Tauá para o pagamento dos salários atrasados de 2017 e 2018 dos servidores municipais.

Erick Pessoa afirma ainda que há outras ações sendo preparadas contra Carlos Windson, que se recusa a cumprir o acordado do TAC. Entre as ações, deve ser pedido também o bloqueio das contas da Prefeitura para garantir o pagamento dos salários atrasados. Além da multa, o órgão pediu o aumento de mais R$ 10 mil por dia de descumprimento.

Confira o documento:

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Notícias

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

BPraio de Icó efetua prisão e retira de circulação drogas e arma de fogo

A equipe do Raio 02 em patrulhamento no Post Continental na tarde de ontem (13), precisame…