Home Geral Site lança aplicativo Detector de Corruptos com reconhecimento facial; veja como funciona

Site lança aplicativo Detector de Corruptos com reconhecimento facial; veja como funciona

2 Primeira leitura
0
0
107
Lançado este mês, o aplicativo chamado de “Detector de Corruptos” é gratuito e apartidário, e utiliza reconhecimento facial para identificar os políticos. Depois, fornece informações completas sobre quais crimes foram praticados por eles. Basta apontar a câmera do celular para a face dos políticos para que o aplicativo entregue todos os inquéritos instaurados contra a figura pública.
site do aplicativo informa que o reconhecimento facial funciona com diversas imagens: de comerciais televisivos, debates, santinhos, cartazes, imagens de jornal, vídeos da internet e muitos outros. Além de informações do aplicativo, o site conta com uma ferramenta que destaca, em qualquer site, os nomes de políticos com pendências na Justiça.
Após instalar o plugin no navegador, sempre que surgir o nome de um político condenado, processado ou investigado durante a navegação normal, o plugin grifa o nome de roxo. Depois, é so passar por cima do nome para conferir a ficha judicial do político.
Nos bancos de dados do aplicativo há governadores e vices, deputados federais que foram eleitos a partir de 2014, senadores eleitos desde 2010, presidentes e vice-presidentes que ainda estejam vivos, candidatos à presidência e aos governos estaduais listados no Datafolha e Ibope. Já quanto aos políticos que foram anunciados como pré-candidatos para as eleições de 2018, o banco de informações do app inclui aqueles que querem se tornar presidentes e governadores.
O aplicativo para celulares está disponível para Android e iOS.
Redação O POVO Online
Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Geral

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

BPraio de Icó efetua prisão e retira de circulação drogas e arma de fogo

A equipe do Raio 02 em patrulhamento no Post Continental na tarde de ontem (13), precisame…